Vinhos para mulheres: sugestões irresistíveis até para os homens

Vinhos para mulheres: sugestões irresistíveis até para os homens

Você concorda que mulheres têm um paladar mais delicado por supostamente serem mais emotivas?

Pois é, embora essa combinação de sentimentos esteja amplamente presente no senso comum, há controvérsias. 

Uma pesquisa publicada pela revista Food Quality and Preference mostra que essa máxima de que homens são mais racionais e mulheres mais emocionais não se aplica quando o assunto é degustação de vinhos.

E não estamos falando do tão evocado “sétimo sentido feminino”.

A pesquisa evidenciou que as mulheres distinguem os sabores do vinho de forma mais apurada, e conseguem sentir sabores que passam despercebidos pelos homens.

Para pensarmos um pouco mais sobre esse tema polêmico, elaboramos essa lista com algumas opções de vinhos mais procurados pelas mulheres. Será que os homens também gostam tanto quanto elas? Confira!

 

1. Espumante

A degustação de espumantes aqui no Brasil é muito associada aos chamados vinhos de festas, como casamentos e Réveillon. Entretanto, esse tipo de vinho cai bem também em outras ocasiões do dia a dia, especialmente em climas mais quentes, momentos de descanso e relaxamento, e qualquer outra celebração mais simples. Em geral agrada ao paladar feminino por ser leve, além de sua charmosa borbulha. Um dos preferidos é o Demi-sec. Entretanto, existem outras opções, como Brut, Extra Brut e Moscatel.

O ideal é que eles sejam armazenados em ambiente longe de calor e luz (a fim de preservar a qualidade) e ele deve ser consumido a uma temperatura de 6° a 8°.

 

2. Vinho branco

Os vinhos brancos são comumente associados a vinhos para o verão (e ao clima tropical, de maneira geral), uma vez que oferecem frescor e leveza. Podem ser consumidos sozinhos ou harmonizados com pratos mais leves — como carnes brancas, saladas, queijos e frutos do mar. Os mais jovens e secos contam com uma acidez elevada e marcante. 

As opções incluem:

  • Chadornnay;
  • Sauvignon Blanc;
  • Moscato;
  • Riesling. 

 

3. Vinho rosé

Os vinhos rosés, como se pode imaginar, são um meio termo entre os vinhos brancos e tintos. Ao mesmo tempo em que trazem frescor e leveza, apresentam boa estrutura e certa adstringência (sensação no paladar de aspereza).

Ele pode se tornar a bebida preferida de mulheres que buscam vinhos leves e que podem harmonizar com diversos tipos de comidas — o que os torna uma excelente alternativa para qualquer ocasião.

A combinação pode ser feita desde saladas até pizzas. Entretanto, vale a pena ressaltar que as sensações que ele causa remetem mais aos vinhos brancos. Assim, para não ter erro na harmonização, aposte em pratos como queijos, peixes, frutos do mar e saladas.

As opções envolvem:

  • Pinot Noir;
  • Mourvedre;
  • Sangiovese;
  • Carignan;
  • Grenache;
  • Cinsault;
  • Malbec;
  • Merlot. 

 

4. Pinot Noir

O Pinot Noir é um vinho tinto produzido a partir de uma uva que tem origem na França (Borgonha), mas também está presente no Chile e nos EUA. É sutil, complexo, delicado e sempre seco.

Esse vinho tem notas de morango, framboesa, cereja e outras frutas vermelhas. Conta com uma cor vermelha menos intensa, mas quando são novos podem adotar tons rubi ou roxo. Ele combina bastante com mulheres que estão antenadas nas novidades e gostam de sofisticação e elegância.

 

5.Merlot

Também é uma uva tinta e é originária da França, na região conhecida de Bordeaux. É uma das castas mais produzidas no mundo, também cultivada em outros países do Novo Mundo, como o Chile.

Tem uma coloração vermelho escuro e mais densa. O paladar é coerente com a coloração e apresenta notas como jabuticaba, ameixa (e outras frutas negras). Os rótulos mais longevos desse vinho podem apresentar outros aromas como o de chocolate e madeira. Ele é uma excelente opção para quem já conhece um pouco mais sobre vinhos.

  

6. Zinfandel

Essa opção não é muito conhecida, principalmente por quem não tem o hábito de degustar vinhos, mas essa casta produz excelentes vinhos. Apesar de existir uma controvérsia a respeito da origem dessa uva, seu cultivo foi bem-sucedido na Califórnia (EUA) e na Puglia, onde se tornou a uva ícone da região, com o nome de Primitivo.

Esses vinhos têm aromas frutados (como amora e cereja), com a percepção alcóolica e taninos bastante macios, certo dulçor final e de fácil degustação.

 

7. Cabernet Sauvignon

 

A popular uva Cabernet Sauvignon tem produção em praticamente todo o mundo e é resultado do cruzamento das castas Cabernet Franc e Sauvignon Blanc. Esse vinho tinto apresenta uma cor vermelho rubi bem intenso, com aromas complexos (que remete a frutas como amora silvestre, ameixa, cassis e pimenta preta).

Na boca, é bem marcante e pode passar a sensação de aperto (como quando se come uma banana verde), devido à presença dos taninos, principalmente para as iniciantes. É ideal para mulheres com um paladar mais exigente.

 

Afinal, qual a melhor seleção de vinhos para mulheres?

 

Comece pelas opções mais “simples”

Se você não tem o hábito de degustar vinhos ou ainda não conseguiu entender o que gosta mais, evite abrir um Cabernet Sauvignon ou um Tannat logo de cara. Uma boa dica é evoluir o paladar, começando por brancos ou espumantes e seguindo para os mais encorpados, gradualmente.

Não existe receita de bolo quando se trata de definir qual é o melhor vinho, uma vez que o gosto é muito pessoal e subjetivo. Sendo assim, vá experimentando, à medida que conhece novas opções, identifique o que você mais gosta (brancos, roses, espumantes ou tintos?). Pense sempre na ocasião e harmonização.

Combinar vinhos e comidas não é uma tarefa de outro mundo — e, nesse caso, o gosto pessoal também tem bastante peso. Porém, existem algumas harmonizações que podem não ser tão boas. Então, foque em um arranjo simples, com poucas chances de erros. Aqui vão algumas ideias:

  • Massas com molho vermelho: Merlot, Pinotage, Chianti;
  • Queijos: Chadornnay;
  • Carnes vermelhas: Malbec, Cabernet Sauvignon, Tannat;
  • Frutos do mar: Sauvignon Blanc, Chardonnay e rosés mais leves.

 

Essa lista também pode ser a preferida de homens?

Criou-se esse senso comum em relação aos vinhos preferidos pelas mulheres, e, por isso, muitos homens deixam de apreciar excelentes opções por acreditarem (erroneamente) que se trata de paladares mais delicados.

Um bom exemplo disso é o vinho rosé. Porém, ao contrário do que muitas pessoas pensam (e apesar da cor), ele não é um exemplar muito suave, delicado e com outras características que tendem a ser creditadas às mulheres.

Longe disso, existem muitos rosés encorpados, robustos e secos, produzidos a partir de uvas apreciadas pelos homens — como Malbec, Cabernet Sauvignon e Cabernet Franc.

Como você pôde ver existem diversas opções de vinhos para mulheres, desde os mais suaves e delicados até os mais encorpados e potentes, para agradar a qualquer gosto, paladar e ocasião (seja ela qual for).

Gostou? Já sabe qual é a sua preferência por vinhos?

Compartilhe o conteúdo, marque suas amigas e descubra o tipo de vinho que elas mais gostam!