Menu
< Menu Acesse / Crie sua conta
Busca

Compre também pelo telefone (11) 5042-0077

De segunda à sexta-feira das 9h as 19h
E aos Sábados das 10h as 15h

Vinho Israelense

Apesar de ser um país de pequenas proporções, Israel tem todas as condições dos grandes países para produzir vinhos de qualidade. E assim o faz!

O vinho está presente há milênios no país, cerca de 2.500 antes de Cristo. Consta que os faraós do Egito foram grandes apreciadores dos vinhos de Israel, assim comoos romanos.

Diante a dominação muçulmana, a produção de vinhos foi interrompida, sendo retomada no final do século XIX, pelo famoso Barão Edmond de Rotschild. Acreditando nas características promissoras da região, a produção do vinho israelense foi resgatada e, enfim, surgiu a vinicultura.

Até a década de 70, os vinhos adocicados, voltados para cerimonias religiosas, foram a marca registrada da Terra Sagrada. A partir de então, foram realizados investimentos em inovação e tecnologia que, junto com profissionais de alto nível, inseriram Israel na lista de produtores de vinhos de classe mundial.

O crescimento anual na produção dos vinhos israelenses não para de crescer, sendo a maioria voltada para exportação. Hoje, existem em Israel mais de 300 vinícolas de alta qualidade, desde pequenos (vinícolas “boutique”)a grandes produtores de vinhos.

Suas principais regiões produtoras possuem uma variedade incrível de microclimas: Solos vulcânicos e basálticos nas Colinas de Golan, encostas na Galileia, montes íngremes envoltos de névoa na Judeia e o deserto do Neguev, produzem vinhos que variam em características assim como suas regiões.

As variedades clássicas são as mais cultivadas no país: as tintas, Merlot, Cabernet Sauvignon, Chardonnay, Syrah, e a branca, Sauvignon Blanc.

Os apreciadores de vinhos em todo o mundo estão atentos aos exemplares das terras de Canaã. Elaborados com muito esmero e com características marcantes, os vinhos de Israel têm cativado pessoas por todo o mundo com seu toque especial.