inserir vinho na alimentação diária

6 motivos de porque inserir vinho na sua alimentação diária

Ouvimos dizer o tempo todo que uma taça de vinho por dia faz bem à saúde, não é mesmo? E não é mentira! O vinho possui uma substância chamada resveratrol que possui inúmeros benefícios para o corpo humano.

O resveratrol está presente nas cascas das uvas tintas e tem grande influência no nosso corpo. Pode trazer benefícios ao coração, combatendo o envelhecimento precoce e ajudando na formação do colesterol bom (HDL).

Mas é claro, o consumo deve ser moderado.!

Além do resveratrol, listamos alguns motivos do porquê você deve inserir vinho na sua alimentação diária. Confira!

Previne doenças

O vinho contém propriedades antioxidantes, que são capazes de diminuir em 24% o risco de uma pessoa ter câncer. Além do câncer, uma taça diária pode prevenir também doenças como úlceras, gastrites e infecções por bactérias.

Combate dores articulares

Você sabia que o vinho tem uma capacidade analgésica também? Principalmente para pessoas com mais de 40 anos, o consumo moderado de vinho ajuda a fortalecer os ossos, veias e artérias, além de prevenir outras doenças que poderiam surgir no futuro, como a osteoporose e varizes. Esse efeito ocorre devido às características anti-inflamatórias do vinho.

Evita o ganho de peso

Tudo em excesso engorda, até mesmo o vinho!

Mas calma, entre as bebidas alcoólicas, o vinho é a que possui menos calorias e é a que menos se transforma em gorduras localizadas. Uma pesquisa feita pela universidade do Colorado concluiu que pessoas saudáveis podem beber até duas taças de vinho diárias sem alterar seu peso corporal! O importante é consumir moderadamente.

Aumenta o desempenho do cérebro

Uma pesquisa feita na Noruega concluiu que pessoas que consomem vinho, chocolate e chá apresentavam melhores pontuações em testes cognitivos. A associação foi independente para cada alimento e foi o vinho quem chamou mais atenção, sendo principal ativador das funções cerebrais. Ele também ajuda a preservar a memória, principalmente para pessoas que se encontram na terceira idade.

Libera endorfina

A endorfina é um peptídeo de um grupo de proteínas com fortes características analgésicas que são responsáveis pela sensação de bem estar do corpo humano. De acordo com um estudo da Universidade da Califórnia, o vinho libera endorfinas em nosso organismo, gerando uma sensação de tranquilidade e relaxamento.

Limpa o paladar

Graças às propriedades adstringentes do vinho – alta capacidade de reagir com materiais insolúveis – o sabor dos alimentos é percebido com muito mais intensidade! Isso porque o vinho reduz o sabor das gorduras, sendo uma bebida excelente para depois do consumo de carnes. Ótima desculpa para incluir o vinho em jantares, não é mesmo?

Com tantos benefícios,o que você está esperando para incluir o vinho na sua alimentação? Além de harmonizar muito bem com diversos pratos, bons vinhos fazem bem para o seu corpo e até para o cérebro!

O que você achou das nossas dicas dicas? Conhece mais benefícios do vinho para a nossa alimentação diária? Conte para a gente nos comentários!